sexta-feira, dezembro 12, 2008

Promo do programa Bastante Irritante

video

Boas! Caros fãs ou meros críticos de cinema, para vocês trago hoje o vídeo promocional do novo programa que estreará brevemente aqui no Hugo's Point: Bastante Irritante. Este programa terá como apresentadores o vosso estimável redactor Hugo e o seu pupilo António.
A esta imbatível dupla junta-se também Pedro R e Cláudio P.
Fica aqui o cheirinho, divirtam-se! Cumprimentos aos pais.

segunda-feira, dezembro 08, 2008

A estação Natal


[Legenda da imagem:
- Cor-de-alaranjinha - Verão
- Verdinho - Outono
- Vermelhinho, Bordôzinho, Magentazinho, ou até mesmo côr-de-vinhinho - Natal]



Boas! Indeléveis fãs ou imprescindíveis visitantes do meu magnificente blog, não estivéssemos nós a aproximarmo-nos da data do nascimento do menino Jesus, trago-vos hoje uma postagem sobre aquela que, superando Expo’s 98, superando Rock’s in Rio, superando tudo e todos, consegue ser sempre a época mais esperada do ano. Por isso, sem mais demoras, vos apresento a postagem a que dei originalmente o nome de A estação Natal.

Um leitor com um olhar mais perspicaz sobre a sociedade já reparou, com certeza, neste facto, no entanto, eu apenas ontem me consciencializei do que ocorreu à mentalidade humana há algum tempo:
O Natal deixou, verdadeiramente, de ser um dia. Isto ainda vai mais longe, se eu garantir, tal como posso visto que este blog é meu, que o Natal já é mais que uma época. O Natal passou a ser, desde há um tempo que é difícil precisar, uma estação do ano.

Esta é a mais pura das verdades, e é um facto que é impossível de discordar. Antigamente, quando eu era criança, ou melhor, no meu tempo…o Natal dividia-se em três partes: comprava prendas com a minha mãe para a família uns dias antes do Natal, no dia 24 à meia-noite abriam-se as prendas e no dia 26 à tarde o meu presente partia-se ou avariava-se, conforme o caso, e a minha mãe não tinha o talão de compra para trocar. Mas hoje não. Hoje em dia o Natal começa no fim de Outubro, quando os Shoppings começam a colocar a decoração de Natal por todo o lado, bem como a respectiva música, começam as promoções de Natal de todo o tipo de lojas, incluindo sex shops (já não é a primeira vez que vejo um catálogo com o seguinte slogan: “ PROMOÇÃO DE NATAL: Compre um lubrificante Luboflex de 20cl e leve, totalmente gratuito, um vibrador que emite OH-OH-OH a cada 250ª rotação!”. Também é pelo fim de Outubro que começam a anunciar na televisão os mais variados bonecos e brinquedos novos, e o pior é que a publicidade desse tipo de produto passa a cada dois minutos! É incalculável o número de vezes que eu já vi hoje o anúncio com a música “É a CARLOTA BADALHOCA, ela faz xixi! (voz de menina: É o máximo!), tens de lhe lavar a pachachinha e mudar a fralda! (voz de menina: e dá traques de verdade!). Quando mudares a fralda leva-a a passear! (voz de menina: A Carlota Badalhoca até pode arrotar!) …”.
Enfim, este é o início de Natal, mas ainda está longe de chegar o seu final. Para quem pensava que o Natal acabava logo no dia 25 estava enganado. E quem pensa que o Natal acaba no dia 6, dia dos reis, em que a árvore de Natal deve ser desmontada, também está longe de conhecer a verdade. O Natal acaba, memorizem por favor, uma semana antes da Páscoa! Como a Páscoa não tem um dia preciso, também não vos posso dar o dia concreto do fim do Natal, no entanto posso-vos dizer que é lá para meados de Abril. E perguntam vocês: “Oh Hugo, mas então o Natal acaba em Abril? Porque é que dizes isso meu safadinho?” E eu respondo, muito simplesmente: O Natal acaba nessa altura porque é somente uma semana antes da Páscoa que os centros comerciais, lojas, ou outro tipo de estabelecimento retiram a sua decoração de Natal e começam a pôr a decoração da Páscoa! Isto é tão claro como a água!
Por isso, vamos lá fazer as contas. Natal: Outubro (final), Novembro, Dezembro, Janeiro, Fevereiro, Março, Abril. Seis meses! Isto dá cabo do Inverno e da Primavera, por isso ambos passam à história e passa a haver apenas três estações: o Verão, que passa a começar em Abril e acaba em Setembro, o Outono, que passa a ter apenas um mês, de Setembro a Outubro, e o Natal, que ocupa os meses acima referidos. Isto à primeira vista parece complicado mas, de facto, não é. (Analisar imagem de abertura de postagem).

Para finalizar, gostaria de informar o estimado leitor de que o Natal, para além de tudo o mais, é uma época de alegria e paz, é altura de darmos as mãos aos nossos inimigos e desculparmo-nos. Por estas razões, este ano espero sinceramente que os meus inimigos tenham a decência de me enviar uma SMS a pedirem-me desculpa. Quando aos meus amigos, uma boa prenda de Natal é suficiente.

AGRADECIMENTOS: Hoje, sendo dia 8 de Dezembro (data que nada tem de especial), quero agradecer às pessoas que não conheço e a quem não faço a mínima ideia que existam. Para além disso, gostaria, se me dão licença, de dedicar esta postagem a duas pessoas que são simplesmente geniais e que muitas vezes me inspiram na altura de escrever os meus textos: Victor de Freitas (prestigiado actor, produtor, realizador, professor doutor, animador, escritor, amador, amante e desinfectante) e Luís Lino (conceituado ser ruminante de origem queniana doutorado em ciências do sono e do vinho tinto). Um grande bem-haja a eles! Cumprimentos aos pais.